Reforma

Obras no Calçadão de Pelotas serão retomadas

Após rescisão da prefeitura com a antiga empresa responsável, Construtora Pelotense assina contrato para concluir o serviço

14 de Fevereiro de 2018 - 18h21 Corrigir A + A -

Por: Vinicius Peraça
vinicius.peraca@diariopopular.com.br 

Calçadão da Sete de Setembro, entre Quinze de Novembro e General Osório também será reformado (Foto: Paulo Rossi - DP)

Calçadão da Sete de Setembro, entre Quinze de Novembro e General Osório também será reformado (Foto: Paulo Rossi - DP)

Bancos e outros itens do mobiliário estão entre as melhorias que ainda precisam ser feitas (Foto: Paulo Rossi - DP)

Bancos e outros itens do mobiliário estão entre as melhorias que ainda precisam ser feitas (Foto: Paulo Rossi - DP)

Mesmo na primeira parte da obra do calçadão será preciso trabalho de ajustes (Foto: Paulo Rossi - DP)

Mesmo na primeira parte da obra do calçadão será preciso trabalho de ajustes (Foto: Paulo Rossi - DP)

Interrompida desde dezembro, quando sofreu uma pausa que deveria ser temporária, a remodelação do Calçadão da rua Andrade Neves será finalmente retomada. Na quinta-feira da semana passada a Construtora Pelotense confirmou à prefeitura que aceita concluir a obra. A empresa havia sido notificada pelo município do rompimento com a antiga prestadora e que, como segunda colocada na licitação, poderia assumir o compromisso.

Desde a rescisão contratual com a ACR Construtora de Obras Ltda. após uma série de desentendimentos sobre problemas na obra e valores de aditivos, a prefeitura vinha conversando com a Pelotense. O objetivo era mostrar detalhes do que foi executado e do que ainda precisa ser feito no Calçadão. Como única habilitada após o fim do acordo com a empreiteira paranaense, caso a Pelotense não aceitasse prosseguir a obra seria preciso lançar um novo edital de concorrência. O que atrasaria ainda mais a execução do serviço iniciado em março do ano passado.

Agora, a expectativa é de que os trabalhos reiniciem o quanto antes. Na tarde de quinta-feira (15), representantes da construtora e da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) farão uma reunião para discutir como e quando será retomada a construção. De acordo com o cronograma inicial, a conclusão do novo Calçadão deveria ocorrer em setembro. Um novo contrato está sendo elaborado e será assinado nos próximos dias.

Apesar do tempo de trabalho perdido desde dezembro, o objetivo é entregar dentro do prazo original todo o trecho da Andrade Neves (entre Voluntários da Pátria e Lobo da Costa), além da Sete de Setembro (entre Quinze de Novembro e Osório). Restariam apenas as calçadas mais largas da Marechal Floriano, também entre Quinze e Osório, que também receberão melhorias.

"Estamos elaborando o novo contrato para que seja assinado nos próximos dias e a partir daí a empresa terá dez dias para iniciar os trabalhos. Vamos sugerir que o serviço comece pela terceira quadra [entre Sete de Setembro e Floriano] ao mesmo tempo em que são feitos ajustes nas duas primeiras", explica o secretário Paulo Morales.

Correções
Além do trabalho em duas quadras que até o momento não sofreram qualquer melhoria, a nova responsável pelo Calçadão terá ainda que refazer alguns pontos em que a prefeitura encontrou problemas. Dentre eles está a recolocação do piso próximo à Voluntários. O local tem problemas de escoamento e gera acúmulo de água da chuva.

Já na segunda quadra será preciso fazer a instalação das tampas de bueiros definitivas. As atuais, de concreto e madeira, foram colocadas pela prefeitura para evitar acidentes com pedestres e impedem o escoamento da água, também gerando poças em frente ao comércio.

"Qualquer serviço feito pela antiga construtora que necessitar de ajuste será pago com recursos já reservados pela Seplag, sem acréscimo ao valor total orçado para o Calçadão", diz Morales. Segundo ele, do total de R$ 3,972 milhões por todas as melhorias, R$ 1,194 milhão foi pago à ACR. Caberá à Pelotense concluir a requalificação com os R$ 2,778 milhões restantes.

Como está o Calçadão

- Na Andrade Neves
Entre Voluntários e Neto - Ajustadas as galerias pluviais e sistema de esgoto, além da rede elétrica. Todo o piso foi trocado, mas precisará de correções no caimento para corrigir falhas que provocam acúmulo de água. Falta mobiliário (bancos, lixeiras) e iluminação.

Entre Neto e Sete de Setembro - Executados os mesmos serviços da anterior. Além do mobiliário e da iluminação, também precisam ser instaladas as tampas de bueiros definitivas.

Entre Sete de Setembro e Floriano - Ainda não recebeu intervenções. Deve ser a próxima a receber equipes de trabalho.

Entre Floriano e Lobo da Costa - Também não recebeu melhorias. Se for seguido o cronograma, será entregue em setembro.

- Na Sete de Setembro
Entre Quinze de Novembro e Osório - Ainda não passou por obras. Também está entre os locais que deverão ser concluídos até setembro.

- Na Floriano
Entre Quinze de Novembro e Osório - As calçadas do lado direito da via terão a continuidade do piso do Calçadão. Serão executadas após o término das demais intervenções, sendo entregues até o fim de novembro.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados